Eu estive aqui, escrito por Gayle Forman

09:03

É assim que funciona com as mentiras? A primeira é difícil, a segunda é mais fácil, até que saem da sua boca com mais facilidade do que as verdades.

Escrito por Gayle Forman, a mesma autora de Se eu Ficar e Apenas Um Dia, Eu estive aqui conta a história da adolescente Cody após a morte de Meg, sua única e melhor amiga. Antes de Meg conseguir entrar em uma faculdade, a vida de Cody se resumia a ela e Meg contra o mundo. Inseparáveis desde pequenas, ambas planejavam deixarem a pequena cidade onde vivam para estudarem e morarem juntas em Seattle. Contudo, o tempo e a distância as separou um pouco, cada uma seguiu um caminho diferente, Meg foi embora e Cody permaneceu na cidadezinha, fazendo faxinas para ajudar nas despesas de sua casa. 

A pacata vida de Cody seguia quando inesperadamente recebe a notícia de que Meg, vivendo aparentemente como as duas desejavam, havia cometido suicídio no quarto de um motel ao ingerir uma dose de veneno. Mas algo estava errado, Cody não havia previsto aquilo e após uma pequena viagem até Seattle, para recolher os pertences de sua amiga a pedido dos pais de Meg, ela descobre algumas coisas que sua amiga não havia contado e descobre pessoas dispostas a ajudá-la descobrir por que diabos havia uma mensagem criptografada no computador de Meg. Cody agora estava disposta a encaixar todas as pontas soltas do que levou sua amiga a cometar tal ato. 


É um pouco difícil de resenhar um livro desses quando não se quer contar muita coisa para não estragar o clima, pois li Eu estive aqui sem procurar saber de nada antes, a não ser do enredo principal e esse talvez foi um dos motivos por ter gostado da história. Ele me surpreendeu de maneira positiva, fez com que eu parasse para pensar não somente sobre a história dos personagens em si, mas na vida e nas consequências de nossos atos ao redigir uma mensagem anônima na internet, de maneira despretensiosa para zoar com aquela(e) garotinha(o), para incitar pessoas cometerem determinados atos... Contudo, deixa eu respirar, para não contar nada além do necessário, meu objetivo aqui é fazer com que vocês leiam esse livro e parem para pensar, como eu fiz.

Gayle Forman tem uma escrita muito boa e envolvente para transmitir esse tipo de história, trazer um clima mais pesado para um público mais jovem, trabalhando com elementos essenciais em uma jornada como essa, por exemplo: as amizades e o amor, que surgem nos momentos mais inesperados de nossa vida,, e a superação de uma perda. Não é mais um livro sobre suicídio, onde o protagonista se encontra desolado após a perda do seu melhor amigo, é um alerta. Ele trata sobre muitas questões realmente preocupantes aos quais muitos tratam com tom de brincadeira e escarnio. 

Sim, ele tinha que interromper rsrs...
Obrigada Editora Arqueiro pelo envio desse exemplar, na próxima vez, por favor, enviem um caixa de lenços enormes e chá, apenas para não me pegarem em um momento desprevenido, como dizem... Chorei litros. 


Confira o blog em outras redes sociais:
Instagram /// Twitter /// Facebook /// Bloglovin /// Goodreads /// Skoob

You Might Also Like

14 comentários

  1. Esse livro é muito tocante e reflexivo. Adorei ter feito a leitura, a Gayle me conquistou ainda mais com sua escrita simples e enredos bem elaborados. Um livro que todos os jovens deveriam ler, certamente.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Oi, flor.
    Gostei muito do enredo. Confesso que tenho certo receio de não gostar da narrativa da autora, porque já vi várias críticas sobre certa superficialidade por parte dela. Por fim, nunca li nada dela. Acabei desenvolvendo um tolo preconceito literário. Mas sua resenha me faz notar que a obra é sensível e vale a pena. Por isso, anotei a dica.

    Beijos!
    http://www.myqueenside.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Eu vejo muita gente com um pé meio atrás com a Gayle, só que eu gosto muito dela, até hoje só li Se eu Ficar e Para Onde ela foi e meu outro muito desejado é Eu Estive Aqui, por isso eu evito ler muitas coisas sobre ele porque eu gosto de ler o livro sem saber muitas coisas sobre ele.

    Abraços!
    http://lendocomobiel.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi. eu não gosto da escrita da autora, fico feliz por você ter curtido. Acho muito chato e clichê. Já vi muitas resenhas e até dei umas foleadas na obra, mas não me agrada mesmo...

    ResponderExcluir
  5. Esse foi o único livro dela que eu realmente tive interesse em ler. Os outros ficaram completamente abandonados na minha estante.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Olá; ainda não li nenhum livro da autora, mas se fosse ler, acho que começaria por esse, pelas resenhas que já li sobre ele e por ter um tema interessante. Gostei da resenha.

    ResponderExcluir
  7. Oieee!
    Nahhhhhhhhhhhh!! Um Gatinhooo *-----*
    Eu gostei desse livro quando li, mas já li com um SPOILER enorme que uma garota de um grupo que eu participo soltou em letras garrafais o motivo pelo qual Meg tinha cometido suicídio. Então, o livro já tava meio manjado pra mim, mas foi um dos mais gostosos da Gayle ate agora!
    Beijos

    LuMartinho | Face

    ResponderExcluir
  8. Eu amei essa leitura e deixou a Gayle marcada na minha, por essa obra, achei muito bem desenvolvido e o decorrer é muito bom!!

    Abraços e até!

    lendoferozmente.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Eu ainda não tive a oportunidade de ler nada da autora, mas a maioria das resenhas que leio de obras dela são muito bem vistas e eu tenho muita curiosidade de saber como é a escrita dela e como ela trabalha certos temas delicados.

    Lisossomos

    ResponderExcluir
  10. Olá tudo bem ?
    As fotos de sua resenha estão de muito bom gosto. Eu comprei vários livros desta autora tem algum tempo, mas ainda não li nenhum.
    Gostei de sua resenha,
    beijos
    www.estilogisele.com.br

    ResponderExcluir
  11. Li esse livro a pouco tempo e também gostei bastante, apesar de ter tido alguns problemas em me identificar/simpatizar com a Cody. Livros que trazem o suicídio no enredo, e até a depressão, sempre me interessam bastante, e foi por esse motivo que quis realizar a leitura :D
    Adorei a resenha e as fotos!
    Beijos

    ResponderExcluir
  12. Eu tenho vontade de tentar de novo com a série só pra chegar nesse livro, porque dizem que é o melhor dela.
    Maaaaaas, tenho medo de ser como o primeiro, que você chega lá, termina e fica tipo? só isso? acabou? cade todo o drama.... que foi como fiquei no 1 depois do bafafá do filme.
    Mas adorei sua resenha e os pontos que resaltou, espero poder ler um dia

    ResponderExcluir
  13. Li "se eu ficar" e me apaixonei. O drama que a autora coloca na descrição das cenas faz com que fique impossível não se sensibilizar. Por isso, acredito, que sei como você se sentiu na leitura desse livro. Mais um que vai pra minha lista de futuras leituras rsrsrs

    http://notasmentaisparaumdiaqualquer.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Bem eu vi antigas resenhas dele, e mesmo gostando do tema, acho que não leria o livro, a escrita da autora não me atrai, já tentei outros dela, mas acabei desistindo que não faz com que me atraia.
    http://k-secretmagic.blogspot.com.br/
    Xoxo

    ResponderExcluir